EVENTO COMEMORATIVO DO 10.º ANIVERSÁRIO DA RESERVA MUNDIAL DE SURF DA ERICEIRA PROMOVERÁ CERIMÓNIA INAUGURAL NESSA MESMA DATA.

O dia 2 de junho, quarta-feira, vai marcar o arranque oficial do projeto Ericeira WSR+10, através do qual o Ericeira Surf Clube (ESC) irá celebrar o 10.º aniversário da Reserva Mundial de Surf da Ericeira – RMSE. Nesta data, além da cerimónia inaugural, será realizada a primeira conferência dum ciclo de cinco Digital Talks – com transmissão pelo YouTube e Facebook do ESC – que apenas terminará em novembro.

Ambas as iniciativas terão como palco a Casa de Cultura Jaime Lobo e Silva, em pleno centro da vila jagoza. Enquanto a cerimónia inaugural se desenrolará entre as 9:30 e as 11:30, a Digital Talk – que neste caso será realizada em formato presencial – começará às 15 horas, prolongando-se até às 18 horas.

Nesta primeira conferência, intitulada “A Reserva Mundial de Surf da Ericeira & Território”, vários oradores irão falar sobre a relação entre a RMSE e o espaço geográfico em que a mesma se encontra integrada, numa sessão cuja abertura caberá à Vereadora da Câmara Municipal de Mafra Célia Batalha Fernandes.

Os conferencistas desta Digital Talk serão Carlos Pereira da Silva (especialista nas áreas do Ordenamento das Áreas Litorais, gestão de praias e participação pública em processos de planeamento), Inês Carapinha (autora da tese de mestrado “A Percepção e Avaliação da RMSE: contributos para o Ordenamento do Território), Juanma Murua (consultor na área da gestão de cidades e território, responsável pelo estudo em curso, no âmbito do EWSR+10, sobre o impacto da RMSE nos últimos dez anos), Vera Azevedo (antropóloga que se encontra em fase de conclusão da tese de Doutoramento “Surfistas e Pescadores: Património, Trabalho e Desporto na Ericeira”) e ainda o jornalista João Valente, fundador e diretor da revista SurfPortugal durante quase trinta anos e um dos maiores especialistas deste desporto no nosso país.

Além desta conferência inaugural, estão previstas mais quatro Digital Talks no âmbito do “EWSR+10”: “A RMSE & a Economia” (dia 30 de junho); “A RMSE & o Turismo” (a 20 de julho); “A RMSE & o Desporto e a Atividade Física” (a 23 de setembro); e ainda “A RMSE & a Sustentabilidade” – no dia 8 de novembro.

Antecedendo a conferência dedicada ao Território acontecerá a cerimónia inaugural do “EWSR+10” – esta Opening Ceremony contará com diversas personalidades, umas presencialmente e outras através de contributos digitais –, entre as quais se destacam o Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, o Presidente da Câmara Municipal de Mafra, Hélder Sousa Silva, Tiago ‘Saca’ Pires, o Presidente da Federação Portuguesa de Surf, João Aranha, e alguns representantes dos parceiros europeus do Ericeira WSR+10, que nesta ocasião será apresentado pelo Presidente do ESC.

De acordo com Miguel Barata de Almeida, “É com enorme satisfação e responsabilidade que iremos arrancar com este ciclo de conferências. Como o objectivo principal deste projecto é a criação de uma comunidade de surf sustentável, estas Digital Talks são transversais a várias temáticas e decorrerão nos próximos meses, culminando com um evento europeu que se realizará entre os dias 11 e 17 de outubro, semana em que se celebram os 10 anos da atribuição do galardão de Reserva Mundial de Surf à Ericeira.”

Este projecto, que resulta duma candidatura do ESC ao programa Erasmus+Sport da Comissão Europeia, terá precisamente alguns dos seus momentos mais marcantes na semana de 14 de outubro de 2021, data da consagração da Ericeira como Reserva Mundial de Surf, com um evento que contará com a presença de 11 comitivas de parceiros europeus.

A Reserva Mundial de Surf da Ericeira é a única existente no continente europeu, integrando uma rede global sob a tutela da Save the Waves Coalition, associação internacional que criou este programa com o objectivo de preservar e promover regiões costeiras com ondas de qualidade ímpar – na Ericeira trata-se duma faixa costeira de 13 quilómetros que inclui sete ondas de características únicas (Pedra Branca, Reef, Ribeira d’Ilhas, Cave, Crazy Left, Coxos e São Lourenço), as respectivas paisagens e ecossistemas. As entidades Guardiãs da RMSE são a Câmara Municipal de Mafra, o Ericeira Surf Clube, a Associação dos Amigos da Baía dos Coxos e a SOS – Salvem o Surf.

Mais info, AQUI. xxx