Joana Schenker, tetracampeã nacional e europeia, também a campeã mundial da modalidade em título, é uma pessoa simples e humilde que desde sempre tem estado ligada ao ambiente e à sua defesa, ao bem-estar e a um estilo de vida saudável. Numa breve atualização, eis o que a atleta algarvia nos contou sobre essas importantes questões que são tão essenciais nos tempos atuais. 


Cresceste no meio da natureza em Sagres. Como é que isso definiu a pessoa e atleta que és hoje? 

Sem dúvida que sim. Tive uma infância muito boa, simples mas muito tranquila e livre. Esse facto incutiu-me valores ligados ao respeito e gosto pela natureza desde cedo. Acho que toda a minha maneira de ser reflete isso, sou uma pessoa muito descontraída, gosto das coisas simples da vida. 

Qual a importância do mar na tua vida?

É difícil descrever em palavras a minha relação com o mar. O mar sempre esteve presente desde que tenho memória e esteve direta ou indiretamente relacionado com todos os bons momentos da minha vida. O mar é capaz de nos ensinar muitas qualidades, paciência, esforço, superação, luta, calma, humildade, diversão e acima de tudo respeito. 

O mar é muito mais do que apenas o meu local de trabalho, gosto de pensar no mar como se fosse uma pessoa, um amigo… e muitas vezes até falo com ele!

No vídeo que partilhaste recentemente (em anexo), há um facto muito interessante e desconhecido por muitos: 70% do oxigénio que respiramos vem do oceano. Fala-nos disso… 

É um facto ainda bastante desconhecido, eu própria até há pouco tempo não sabia que era uma percentagem tão grande. Quando pensamos em pulmão do mundo a primeira coisa que nos vem à cabeça é a floresta da Amazónia, mas o oceano produz ainda mais oxigénio. Por isso é fundamental o Oceano estar saudável, toda a vida depende disso. 

Para além do plástico muitos desconhecem que os protetores solares são, também, um dos principais poluidores dos oceanos. A tua parceria com a marca Eau Thermale Avène vem reforçar essa mensagem. Quais são as características que valorizas num protetor solar?

Com o meu estilo de vida, facilmente chego a estar exposta ao sol mais que 8h diárias. Mesmo no inverno preciso de usar protetor solar. Por isso, sou extremamente exigente com o que coloco na minha pele. Tem de ser resistente à água e ter um grau de proteção muito elevado. Não pode arder nos olhos, não pode colar ou deixar a pele gordurosa, nem deixar a pele branca. Não gosto de usar produtos com ingredientes nocivos para a saúde da minha pele e procuro usar produtos com consciência ambiental. Nos protetores solares é extremamente importante que não sejam prejudiciais para os corais e vida marinha!

Não gosto de usar produtos com ingredientes nocivos para a saúde da minha pele e procuro usar produtos com consciência ambiental.

Os recifes de coral poderão desaparecer dentro de 30 anos. O Havai vai ser o primeiro estado americano a proibir a venda de protetores solares que contenham os químicos oxibenzona e metoxicinamato de octila, conhecidos por causar danos aos corais. Em breve poderá ser uma realidade na Europa?

Gostava de ver este tipo de legislação ser implementado a nível mundial, o oceano não tem fronteiras, o que entra no mar acaba por se espalhar no mundo inteiro. Não é um problema apenas dos países que têm recifes de coral, é de todos nós! Mas sabemos que estas coisas podem levar anos até se constituírem a leis necessárias e o tempo é muito escasso, por isso acho que cabe a cada um de nós tomar a atitude correta e escolher um produto que não tenha esses ingredientes nocivos. É fundamental informar o consumidor, bodyboarders e surfistas que podem e devem dar o exemplo!

Comentários