Pierre-Louis Costes confirmou o estatuto de campeão do Mundo e venceu hoje a segunda etapa do Circuito Nacional de Bodyboard Crédito Agrícola 2020, na Praia da Vila da Nazaré, batendo Daniel Fonseca na final. Hélio Conde, de Peniche, foi o terceiro classificado e o nazareno Luís Coelho o quarto.

Com este segundo lugar, Daniel Fonseca ficou muito próximo de conquistar o título nacional, bastando para isso vencer a terceira etapa, dias 17 e 18 deste mês, em Peniche, até porque Pierre-Louis Costes poderia até vencer o circuito, mas não pode, por questões óbvias de nacionalidade, ser campeão nacional.

Highlights da 2ª Etapa | Nazaré

Aqui estão os highlights do 2° dia de competição do Circuito Nacional de Bodyboard Crédito Agrícola 2020 na Nazaré!#estamoson

Publicado por CNBB CA 2020 em Segunda-feira, 5 de outubro de 2020

Na competição feminina, Joana Schenker somou a segunda vitória em outras tantas etapas do circuito e está com uma mão no título. Na final, Filipa Broeiro protagonizou a surpresa do dia, batendo a local Teresa Almeida. A atleta do Madalena Valério fechou o pódio.

“Foi um dia muito tático, um jogo de paciência e não falhar a oportunidade quando a onda aparecia. Ontem foi uma jornada mais técnica e física e hoje muito mais mental”, explicou PLC, acrescentando que “Vou rezar para termos altas ondas em Peniche e tentar estar presente, pois tenho o evento nas Canárias com uma janela de espera coincidente, mas de qualquer forma, seria sempre difícil ultrapassar o Daniel. Em todo o caso, se vencer no Mundial, posso dizer que foi muito graças ao treino competitivo que fiz neste Nacional.”

Daniel Fonseca, por seu turno, aspira já a selar a revalidação do título nacional em casa, Peniche, a próxima etapa. “Estou contente. O meu objetivo era chegar à final e depois ganhá-la. Não consegui, mas ser batido pelo melhor do Mundo não é vergonha. Tenho mais duas etapas para marcar o ‘golo final’ e o sonho era mesmo revalidar o título nacional em Peniche. O ano de 2020 está a ser mau para toda a gente, mas, pessoalmente… é o ano em que me licenciei e o ano em que vou viver para a minha própria casa. Em cima disso, ganhar o Nacional seria perfeito”, refere. 

Na prova feminina, Joana Schenker congratulou-se com a vitória que a coloca na iminência de conquistar aquele que seria o seu sétimo título nacional: “Gostei muito desta etapa, gosto muito da Nazaré. Achei a organização excelente, ouvi dizer que a transmissão esteve muito boa, mas relativamente ao resultado, ainda há muita coisa para fazer, com mais duas etapas, em Peniche, onde gostaria de ter ondas épicas, e a Póvoa, onde não vou há muitos anos mas que vou gostar de visitar.”

O Circuito Nacional de Bodyboard Crédito Agrícola 2020 segue agora para Peniche, dias 17 e 18 de outubro. xxx

Reportagem Dia 1

Comentários