Pelo sexto ano consecutivo, Niterói irá receber os melhores atletas de bodyboard do mundo para o Itacoatiara Pro – a 3.ª etapa da APB World Tour. Confirmado para os dias 14 e 25 de junho, conta com a participação de mais de 150 atletas de 25 países, que disputarão um prémio total de R$ 100 mil reais (29 mil euros).

Depois de Pipeline, no Havai, e Teahupoo, no Taiti, será a vez Itacoatiara figurar no centro das atenções do circuito mundial e receber a elite do desporto numa competição que é tradicionalmente marcada por grandes ondas, tubos e junções vem pesadas. O sucesso tem estado garantido desde a primeira edição, em 2012, e o evento tem vindo a consolidar-se como um dos maiores evento de bodyboard do mundo, colocando Itacoatiara definitivamente na rota das melhores ondas do planeta.

O diretor do evento, Giuliano Lara, comemora o reconhecimento por parte dos órgãos públicos e empresas.

“A confirmação do evento pela Prefeitura de Niterói espelha todo o nosso trabalho junto das empresas privadas e dessa forma é possível viabilizar a competição internacional mais representativa do calendário da cidade. Um campeonato do porte do Itacoatiara Pro acontecendo anualmente deixa um legado eterno no esporte, na educação e na economia da cidade”, explica.

Como tem vindo a acontecer, os melhores atletas do mundo marcam presença na Praia de Itacoatiara, considerada por muitos com a melhor onda do Brasil para a prática de bodyboard. Entre os estrangeiros nomes como o de Pierre-Louis Costes (França), Jeff Hubbard (Havai), Jared Houston (África do Sul) e Amaury Lavernhe (Ilha Reunião), todos campeões mundiais, já são mais do que certos. Entre os brasileiros, Eder Luciano, Uri Valadão, Isabela Sousa, Neymara Carvalho, além, é claro, dos ídolos locais como Dudu Pedra e José Otávio, são alguns dos fortes candidatos ao título.

Para os competidores, a luta pelo título está mais difícil este ano. Uma alteração proposta pela APB define que apenas os oito melhores classificados nas triagens terão acesso a competir no evento principal, onde enfrentarão os trinta e dois melhores colocados no ranking mundial. 

Outra boa notícia é a manutenção da etapa feminina que abre o circuito mundial para as senhoras. O Itacoatiara Pro 2017 promete recorde de inscritos, já que também viu ser confirmada a categoria Pro Junior, que contempla os atletas com idade inferior a 18 anos. 

Campeões do Itacoatiara Pro:

2012 Dave Winchester (Austrália)

2013 Amaury Laverhne (Ilha Reunião)

2014 Jared Houston (África do Sul)

2015 Amaury Laverhne (Ilha Reunião) e Tanner McDaniel (Havai – Pro Junior)

2016 Alex Uranga (País Basco), Isabela Sousa (Brasil) e Diego Gomes (Brasil – Pro Junior)

Ranking mundial (após duas etapas):

01. Jared Houston (África do Sul) – 4000

02. Garth McGregor (Austrália) – 3840

03. Jeff Hubbard (Havaí) – 3440

04. Alex Uranga (País Basco) – 3400

05. Mike Stewart (Havai) – 3360

06. Dave Hubbard (Havai) – 2720

07. Amaury Lavernhe (Ilha Reunião) – 2440

08. Paul Blaz (Austrália) – 2400

09. Patrick Orr (Havai) – 2320

10. Tanner McDaniel (Havai) – 2240

Comentários