O havaiano Michael Alexander Stewart (17 de maio de 1963), aka Mike Stewart, é um dos maiores bodyboarders de todos os tempos, tendo mesmo o recorde do número máximo de títulos mundiais conquistados no desporto, bem como sido considerado um dos melhores 5 wave riders à face da Terra e o único bodyboarder, até ao momento, a ter sido incluído na Surfer Wall do Farol da Nazaré. 

A sua carreira no Bodyboard é vasta e brilhante, recheada de títulos que colocam a sua reputação num lugar bem difícil de alcançar. 

Vejamos algumas das suas conquistas mais relevantes: 

– 9x campeão mundial;

– 11x campeão em Pipeline (vê a lista completa aqui);

– 8x Campeão Havaiano;

– Único atleta a competir em Pipeline desde 1982;

– Nos primeiros três anos de competição, chegou à final em todas as provas que participou;

– Prémio “Mister Pipeline” (o primeiro não surfista a receber tal distinção);

– Primeiro bodyboarder a aventurar-se em Jaws;

– Desbravou Teahupoo no final da década de 80 (juntamente com Ben Severson);

– Criou o conceito de sistema de prioridades que é usado nas competições de surf e bodyboard;

– Único bodyboarder a lançar um jogo de computador – Mike Stewart’s Pro Bodyboarding em 1999. 

Isto não é tudo, pois vale sempre referir que… Em 1996 perseguiu e surfou um swell gigante do Taiti ao Havai, passando pela Califórnia e o Alasca, percorrendo mais de 12 mil quilómetros no total. Conhecido por muitos como um tube rider único, ainda hoje é dono de uma linha invejável e por puxar os limites. 

Aos 54 anos continua casado com Lisa Miller, que conheceu em 1993 e de quem tem dois filhos – Kaimana e Anela. Faz ainda parte do circuito mundial tendo terminado em 21.º lugar na temporada passada, com um 3.º lugar assinalado em Teahupoo. 

Será ele o melhor bodyboarder de todos os tempos? 

Comentários