A Praia da Nazaré passará a ser vigiada durante todo o ano, já a partir do próximo dia 16 de setembro. Foi aprovado, ontem, o protocolo de colaboração entre o Município e a Associação de Nadadores Salvadores da Nazaré para a vigilância da praia até 31 dezembro de 2018.

O acordo inclui a cedência da moto 4 pelo Município à Associação, bem como o pagamento do combustível para o seu funcionamento e a nadadores salvadores (5 nadadores-salvadores pelo período de 16 meses; 3 nadadores-salvadores pelo período de 3 meses para reforço durante a época balnear; 3 nadadores-salvadores de serviço na passagem de ano; e regularização da diferença do valor pago pelos concessionários a 17 nadadores-salvadores).

Como destino de férias balneares de excelência, a Nazaré é visitada, anualmente, por milhares de turistas, o que obriga ao reforço da vigilância e assistência a banhistas, inclusivamente fora da época balnear.

“A Câmara optou por assumir o investimento na segurança dos banhistas e os gastos inerentes à vigilância”, informou Walter Chicharro, presidente da Câmara Municipal da Nazaré.

Para o autarca trata-se de mais um esforço na promoção de uma praia segurança e de qualidade para as famílias.

Para além do apoio financeiro e a moto 4, a Câmara adquiriu todo o equipamento necessário para o exercício das funções dos nadadores-salvadores, como pranchas, fardas e boias, entregues aos vigilantes.

A Associação irá assegurar a vigilância da Praia da Nazaré, assim como a Praia do Norte, de forma contínua.

“Julgo que seremos únicos, no país, a ter praia vigiada os 12 meses por ano. Concretizamos, assim, uma das necessidades faladas há anos”, acrescentou o autarca.

Medida que vem em boa hora, pois, com a entrada em setembro, começam também a dar sinal as grandes ondulações e o oceano de certa forma a mudar, mostrando-se com mais força e também com mais correntes. Vale recordar que a temporada das ondas grandes, na Praia do Norte, está à porta. 

Comentários