A noite nos Açores não registou ocorrências decorrentes do agravamento do estado do tempo no arquipélago, tendo sido “uma noite tranquila”. Recordamos que ontem, quarta-feira, sete ilhas dos Açores estiveram sob aviso vermelho devido à forte agitação marítima.

O foco vira-se agora para Portugal continental com o litoral a apresentar sete distritos com aviso vermelho, o máximo, devido à forte agitação marítima. São eles Lisboa, Leiria, Coimbra, Aveiro, Porto, Braga e Viana do Castelo. Este aviso vigora entre as 15:00 e as 23:59 de hoje.

No início desta semana também já havíamos referido que as nuances desta tempestade (que recebeu o nome de Dóris) e condições adversas no mar são em tudo comparáveis à tempestade Hércules de 2014. Na altura provocou ondas de grande dimensão que atingiram a costa lusitana. 

Por esse motivo, mais de 1500 civis e militares da Marinha Portuguesa e da Autoridade Marítima Nacional vão estar envolvidos na monitorização, prevenção e salvamento durante a tempestade que vai atingir a costa portuguesa.

Oito barras do continente também estão hoje fechadas a toda a navegação por causa da forte agitação marítima. São elas Caminha, Vila Praia de Âncora, Viana do Castelo, Esposende, Póvoa de Varzim, Vila do Conde, Douro e São Martinho do Porto.

SPOTS A CONSIDERAR

No que diz respeito ao surf, relembramos que a segurança vem em primeiro lugar e que os surfistas não devem arriscar se não tiverem plena consciência do que estão a fazer. Passeios à beira-mar também são de descartar. 

Assim, em Peniche (Papôa) e na Praia do Norte é possível que se registe algum surf em ondas de dimensão XXL entre sexta-feira e domingo. Relembramos que a previsão indica para a costa portuguesa ondas entre os 6 e os 12 metros. Será, portanto, a loucura total. 

As alternativas passarão por spots mais protegidos na costa, barras, molhes e picos menos usuais. O barlavento e sotavento algarvio, por exemplo, poderá proporcionar ondas muito engraçadas nas suas pequenas baías e praias, mais afastadas da tempestade e também protegidas do swell. Por isso, Tavira, Faro, Vilamoura, Praia da Rocha, Albufeira, etc; são tudo spots a confirmar. 

Não se esqueçam: muito respeito pelo Mar é condição essencial. Boas ondas! 

Comentários