As praias reabrem a 6 de junho e com regras que vão fazer desta uma época balnear sui generis.

O plano de desconfinamento divulgado após a reunião de ontem do Conselho de Ministros prevê um distanciamento de 1,5 metros entre veraneantes, a proibição de desportos coletivos no areal, regras para toldos, colmos e barracas e uma sinalética sobre a ocupação da praia. Os utentes devem desinfectar as mãos regularmente. E é obrigatório fazerem-no na chegada à praia.

Na utilização do areal das praias durante a época balnear estão “interditas atividades desportivas com duas ou mais pessoas, exceto atividades náuticas, aulas de surf e desportos similares”.

Há concelhos do país que optaram por uma época balnear mais reduzida e tardia, como é o caso de Torres Vedras, que divulgou ontem que esta será de praticamente de dois meses, entre 27 de junho e 30 de agosto, apostando na saúde, segurança e sustentabilidade. 

Conheça as regras: 

Comentários