Após três dias de ação, terminou hoje o Arica Cultura Bodyboard na fantástica onda de El Gringo. A prova, que foi a última da perna sul-americana e a quinta do circuito mundial, antes de rumar à Austrália e depois a Sintra, viu o gaulês Pierre-Louis Costes superar o havaiano Tanner McDaniel na final, por 17,00 vs. 16,75 pontos, isto depois de ambos terem ultrapassado, respetivamente, o sul-africano Jared Houston e o chileno Alan Muñoz nas meias-finais da competição.

Como sempre o Chile, Arica e a slab de El Gringo não desiludiram e debitaram algumas das mais impressionantes ondas do circuito para este que foi o terceiro Grand Slam do ano (faltam mais dois).  Na prática esta foi a segunda vitória de PLC na presente temporada, depois de ter vencido a 1.ª etapa em Pipeline no passado mês de fevereiro.

Fica atento à atualização do ranking.

 

Comentários