O primeiro dia do Aveiro EuroBodyBoard Pro, segunda etapa do European Tour of Bodyboard 2017, foi dedicado apenas à competição Pro Junior, com realização das duas rondas a quatro, faltando agora disputar as meias-finais e a final, em formato man-on-man.

Neste primeiro dia, em que o mar ajudou bastante, destaque para a prestação do português Pedro Machado, que alcançou os melhores resultados, sendo que João Ferreira também deu nas vistas.

Pedro Machado conseguiu não só a melhor onda, ex-aequo com João Ferreira, com 8.83 pontos, como ainda o melhor score, com 16.33 pontos (8.83 e 7.50) na bateria das meias-finais, à semelhança de João Ferreira que conseguiu o segundo melhor score, com 15.43 pontos (8.83 e 6.60).

Nas meias-finais a dois, o português João Ferreira defronta o francês Noah Capdeville (Heat 7), enquanto Pedro Machado medirá forças com Rodrigo Lopes (Heat 8), num confronto entre portugueses.

Nas seis baterias disputadas, em que os bodyboarders podiam apanhar 15 ondas, em heats de 25 minutos, contando as duas melhores, foram surfadas 195 ondas, duas apenas excelentes e 20 boas, num dia em que os atletas estiveram bem, disputando as baterias até o segundo final. Chegaram mesmo a acontecer alterações de classificação bem dramáticas… para quem foi eliminado, depois de chegar à última onda em primeiro.

Para amanhã está reservado o início da competição Open, na qual estão inscritos 25 atletas, oriundos de quatro países.

Presente pela primeira vez na região de Aveiro, Brahim Iddouch está esperançado em alcançar um bom resultado, especialmente depois da vitória na etapa do Mundial disputada recentemente no Chile e do terceiro lugar no arranque do European Tour of Bodyboard, em Santa Cruz, na semana passada.

“Como vim direto da prova do Chile para Santa Cruz estava muito cansado, mas mesmo assim foi um bom resultado”, explica o marroquino, que aposta as fichas todas nos dois circuitos: “Quero lutar pelos dois, até porque nunca consegui ganhar o Europeu e gostava muito”.

Considerando São Jacinto “um lugar muito bonito”, com um “bom mar e boas ondas”, Brahim Iddouch aponta para uma luta renhida pela vitória no Aveiro EuroBodyBoard Pro 2017.

“Estão aqui muito bons atletas, por isso será difícil ganhar, mas é claro que vou tentar”, afirma.

Assim, espera-se muita e viva competição, num mar que dá indicações de estar disposto a proporcionar boas ondas e, assim, os atletas as encontrem e as surfem com qualidade.

O check in está marcado para as 9h30 e o escalonamento do Round 1 é o seguinte:

Heat 1:Miguel Coelho, Miguel Ferreira, Laraichi Salah e Jacinto Pascoal

Heat 2: Anas Haddar, Joel Rodrigues, Yon Aimar, Gonçalo Matias (wildcard)

Heat 3: Daniel Fonseca, Rodrigo Lopes, André Lopes e Arthur Morel

Heat 4: Brahim Iddouch, Daniel Ferreira e Gonçalo Pinheiro

Heat 5: Alex Uranga, Jaime Jesus, José Silva e Rodrigo Leite

Heat 6: Octávio Silva, Dino Carmo, João Ferreira e Irwin Cloarec

Heat 7: Pierre-Louis Costes, Guilherme Godinho, Noah Capdeville e Manuel Centeno (wildcard)

Heat 8: Ricardo Rosmaninho, João Imaginário, Txomin Lopez e Pedro Machado

Comentários