A partir de janeiro de 2021, no Havai, passará a ser ilegal distribuir ou vender protetores solares que contenham os químicos oxibenzona e metoxicinamato de octila, conhecidos por causar danos aos corais.

Na verdade, de acordo com os cientistas, os recifes de coral poderão desaparecer dentro de 30 anos. Por esse motivo, o Havai adiantou-se na corrida, aprovou a lei e prepara-se – daqui a três anos – para ser o primeiro estado americano a proibir a venda de protetores solares. 

Para além do plástico muitos desconhecem que os protetores solares são, também, um dos principais poluidores dos oceanos. Oceanos que, refira-se e sublinhe-se, são responsáveis por 70% do oxigénio que respiramos. 

Joana Schenker, por exemplo, que acontece ser portuguesa e a campeã mundial de Bodyboard em título, já tinha alertado para a questão através de um vídeo partilhado recentemente. 

“Gostava de ver este tipo de legislação ser implementado a nível mundial, o oceano não tem fronteiras, o que entra no mar acaba por se espalhar no mundo inteiro. Não é um problema apenas dos países que têm recifes de coral, é de todos nós! Mas sabemos que estas coisas podem levar anos até se constituírem a leis necessárias e o tempo é muito escasso, por isso acho que cabe a cada um de nós tomar a atitude correta e escolher um produto que não tenha esses ingredientes nocivos. É fundamental informar o consumidor, bodyboarders e surfistas que podem e devem dar o exemplo!”, disse em exclusivo à Vert. 


Vê o vídeo e lê a restante entrevista aqui

Comentários