Fonte: LUSA // Foto: Record

O Estoril Praia formalizou hoje o lançamento das modalidades de surf e bodyboard, apresentando-se para competir neste ano de estreia com 40 atletas de diferentes escalões masculinos e femininos, com destaque para a tetracampeã do mundo em bodyboard, Isabela Sousa (Brasil) que se encontra a viver na Linha desde novembro do ano passado.

“É um privilégio muito grande por fazer parte da equipa do Estoril Praia. Na minha primeira visita ao clube senti-me em casa. Espero colocar o Estoril no lugar mais alto do pódio”, disse a bodyboarder brasileira de 28 anos ao Record.

A entrada nestas duas modalidades representa, para o presidente do clube, Alexandre Faria, uma forma de honrar a histórica ligação do Estoril ao mar e uma oportunidade de levar o nome do Estoril Praia e de Portugal além-fronteiras.

“Temos procurado crescer nas modalidades associadas ao mar, que estão muito ligadas à história do Estoril. Depois da pesca submarina e da fotografia subaquática, fazia todo o sentido avançar e temos a certeza de que vai ser um sucesso”, afirmou à agência Lusa o líder estorilista, acrescentando: “É importante olhar para estas modalidades que projetam o país no estrangeiro.”

Para o arranque deste projeto chegam 40 atletas, entre os quais Isabela Sousa, David Vedor, Leonor Fragoso e Gonçalo Fragoso, que estarão sob a orientação dos coordenadores Zsolt Lorincz e Pedro Carneiro. No horizonte está a participação em provas nacionais e internacionais com as cores do Estoril e a meta de títulos.

“É uma aposta muito ambiciosa. Estes 40 atletas já estão definidos e inscritos, mas é um número para crescer. Vamos partir à conquista de títulos nacionais e internacionais já neste ano zero”, sublinhou Alexandre Faria.

Sem referir valores por não ter ainda a quantificação final efetuada, Alexandre Faria salientou que o desejo do Estoril Praia é igualmente estimular a entrada de mais clubes nestas modalidades, numa fase em que Portugal ganha relevo internacional como um destino para estes desportos.

“É um projeto para continuar e ser uma referência e é também um incentivo aos outros clubes. Para o Estoril e para os seus habituais patrocinadores esta é já uma oportunidade fantástica”, concluiu.

Comentários