O sul-africano Iain Campbell venceu ontem, na Praia da Arda, pelo segundo ano consecutivo, o Viana World Bodyboard Championship, a segunda etapa da perna portuguesa da APB Tour 2017, e com essa vitória mantém-se na liderança do ranking do circuito mundial. 

Pro Junior

1º Lionel Medina (CAN)

2º Noah Capdeville (FRA)

3º Ethan Capdeville (FRA)

4º Joaquin Soto (CHI)

Pro Men’s 

1º Iain Campbell (RSA)

2º Pierre-Louis Costes (FRA)

3º Uri Valadão (BRA) 

4º Lewy Fennigan (AUS)

Dino Carmo ficou-se pelo Round 5 e continua a ser o melhor português classificado no ranking da APB Tour. A próxima etapa é o Nazaré Pro, na Praia do Norte, que inicia na próxima terça-feira (3 de outubro).

Clica aqui para ler uma entrevista com Iain Campbell.

Press release final mais abaixo. 

Comunicado >>

“Esta foi a melhor competição que Viana já organizou”

O sul-africano Iain Campbell e o júnior canário Lionel Medina foram os grandes vencedores do Viana World Bodyboard Championship 2017, que terminou no passado domingo na Praia da Arda, em Afife. Esta prova registou condições excelentes ao nível de ondas, o que contribuiu para os atletas de top mundial darem espetáculo em águas vianenses. O excelente trabalho da organização também foi destacado por todos os intervenientes. Terry McKenna, tour manager da APB, afirmou que esta “foi a melhor competição que Viana já organizou até ao momento”.

Iain Campbell venceu o francês Pierre-Louis Costes na final da categoria “Men”, cimentando, assim, a sua posição na liderança no atual ranking mundial. O sul-africano obteve 13,5 pontos enquanto o francês somou 7,4 nesta prova organizada pelo Surf Clube de Viana (SCV) e pela APB World Tour.

“Estou muito feliz por voltar a ganhar aqui! A única forma de melhorar a minha posição na corrida pelo título mundial era ganhar este evento e eu fi-lo. A organização tem sido incrível! Eu quero agradecer a todos os que estiveram envolvidos porque foi um evento fantástico”, disse o grande vencedor deste ano e também da etapa de 2016. Promete que se houver prova em Viana para o ano, ele cá estará.

Uri Valadão (BRA) e Lewy Fennigan (AUS) subiram ao terceiro e ao quarto lugares do pódio.

Dave Hubbard, oito vezes campeão na categoria de dropknee, também esteve em grande destaque na prova, fazendo a melhor onda da etapa (9,25).

O canário Lionel Medina foi o grande vencedor na “Pro Junior World Tour”, ao derrotar na final Noah Capdeville (FRA) com uma diferença de 6,25 pontos, seguidos por Ethan Capdeville (FRA) e por Joaquim Soto (CHI).

“Organização muito boa e competição muito boa. Ainda não consigo explicar o que sinto, mas estou muito feliz. Nunca pensei que estaria a competir na APB. Mas graças a familiares e a amigos estou aqui”, disse Lionel Medina. 

Terry McKenna, tour manager da APB, afirmou que esta “foi a melhor competição que Viana já organizou até o momento. A estrutura, a webcast, a equipa e tudo o que estava relacionado com o evento tem sido incrível. Quero felicitar o SCV e todos os envolvidos pelo fantástico evento. Este ano, tivemos algumas ondas muito desafiantes e algumas ondas incríveis. Penso que este é o melhor ano de Viana”. Tendo acrescentado “nós temos um lugar nos nossos corações para esta cidade porque foi o local de nascimento da Pro Tour como a conhecemos hoje. Nós adoramos voltar cá, a cidade e a Câmara Municipal apoiam muito a competição e a qualidade é provavelmente a melhor do mundo. Temos planos para, no próximo ano, talvez passar o concurso para um nível mais alto”.

Diogo Marques, juiz vianense da APB, também faz um balanço muito positivo da prova. “Ao nível de organização, foi mais uma edição que provou a capacidade do SCV para organizar eventos desta grandeza. Acho que é opinião geral que o SCV superou-se mais uma vez e organizou, se não a melhor prova, uma das melhores do Circuito Mundial. Em termos de competidores, tivemos os melhores do mundo nas águas de Viana, mais uma vez, a mostrar o seu valor e o valor das nossas ondas que podem bater-se com qualquer onda do circuito”.

Para o presidente da direção do SCV, João Zamith, “o fairplay entre os atletas, dentro e fora da água, merece destaque. Destaco também a grande participação que obtivemos, cerca de 70 inscritos, e a qualidade das ondas. Foi um grande evento desportivo na cidade. Conseguimos pôr Viana, mais uma vez, no mapa. Todos os elementos da organização estão de parabéns por terem conseguido fazer a diferença”.

O havaiano Mike Stewart, que foi uma estrela durante todo o campeonato, considera que a Semana Europeia do Desporto em Viana foi muito importante e uma referência tanto para os jovens como para os atletas. “Fiquei orgulhoso com a quantidade de crianças e jovens que participaram nas atividades da Semana Europeia do Desporto. Incluir as crianças nas atividades é ótimo, pois é o que faz isto tudo funcionar. Fiquei muito entusiasmado por ter aqui tantas crianças e por partilhar com elas o meu conhecimento”. 

O Centro de Alto Rendimento de Surf de Viana do Castelo serviu de base logística ao campeonato e de base de treino aos atletas participantes na prova vianense. Iain Campbell e Pierre-Louis Costes, os grandes finalistas na categoria “Men”, foram dois dos atletas que pernoitaram e treinaram no CAR Surf.

Neste espaço também se realizou a 1st Bodyboard Performance Clinic. Com o tema “Como atingir o sucesso no bodyboard”, contou com a participação de: Mike Stewart, Iain Campbell, Pierre-Louis Costes e Sócrates Santana.

Comentários