Começou ontem, por volta das 23h, e até contou com transmissão em direto via site da APB (Association of Professional Bodyboarders).

Num dia de sol e algumas ondas, mais do que a competição em si, o Shark Island Challenge voltou a celebrar a amizade e o convívio, e ainda as maravilhas desta pequena prancha entre a comunidade australiana de bodyboarders.

O evento teve lugar pela décima oitava vez e, embora não se tenham visto ondas muito grandes, acabou por decorrer em slabs de até metro e meio, bem redondas e apetitosas q.b. para as caraterísticas que um desporto como o bodyboard procura.

A maralha local foi protagonista de alguns dos melhores momentos, pois soube aplicar o conhecimento local sempre que este se exigia e com extrema eficácia, e talvez por isso não seja de estranhar que um dos seus discípulos tenha saído em primeiro lugar.

Referimo-nos, obviamente, a Andrew Lester, ex-campeão aussie que deixou bem claro que continua aí para as curvas. Nesta versão 2014 do S.I.C., Andy destacou-se da concorrência e, apesar de ser um dos mais medalhados riders australianos de sempre, a verdade é que nunca tinha vencido em Shark Island.

O aussie junta-se agora à extensa lista de vencedores onde figuram grandes nomes da história do bodyboard como Guilherme Tâmega, Mike Stewart, Damian King, Steve Mackenzie, Dave Winchester, Ben Player e Ryan Hardy, entre outros.

Resultados finais:

1. Andrew Lester 98.5 pts
2. Shaun Peterson 83.9 pts
3. Shau Pyne 80.6 pts
4. jason Finlay 79.9
5. Alex Leon 78.9
6. Lachlan Cramsie 78.8
7. Nick Ormerod 76.9
8. Michael Novy 75.9
9. Josh Kaihe 71.8
10. Winston McCall 71.4


Fotografia: Grant Trouville

Comentários