2/11/2014 – A praia de Itacoatiara, em Niterói, no estado do Rio de Janeiro, é um dos principais redutos do bodyboard carioca e brasileiro. É também um dos picos mais pesados e que melhor se adaptam ao bodyboard, daí toda a fama que tem conquistado nos últimos anos.

No entanto, lá bem no canto, ela esconde um segredo. Um segredo de um pico matreiro, a dar ares de “caixote” e totalmente moldado a uma qualquer slab internacional. Falo do Shock, obviamente, que no passado dia 22 de outubro voltou a dar um ar da sua graça.

Quem não faltou à chamada foi Rodrigo Corrêa, um dos seus regulares, cuja investida rendeu alguns tubos.


Texto: António Fonseca | Fotografia: Gabriel Menezes | Facebook

Comentários