Com a chegada do inverno todos nós, bodyboarders, sentimos o arrefecimento da temperatura do ar e da água. Porém, é quando chegam as melhores e maiores ondas!

Como surfar não é a única coisa na vida, mas é definitivamente a melhor, aqui ficam 10 essenciais dicas para uma prática sem frio em plena estação de inverno:

1 // Aumenta o ritmo dentro de água, ou seja, fica menos tempo por sessão, mas apanha um maior número de ondas para te obrigar a estar sempre em movimento. Movimento = aquecimento. 

2 // Escolhe um horário onde a temperatura é mais alta. Opta por surfar entre as 11h e as 15h, deixa as matinais e os finais de tarde para outra altura do ano.

3 // Veste um equipamento adequado e de qualidade. Um fato de neoprene com um mínimo de 4 milímetros no tronco + capuz são condições sine qua non para os dias de muito frio.

4 // Protege os ouvidos. Proteções auriculares são um “must” para prevenir as exostoses (redução do diâmetro do canal auditivo), mas podes usar simplesmente um capuz em neoprene que já ajuda a combater o frio nos dias de mais vento. Uma cabeça quentinha significa mais tempo na água. 

5 // Faz sempre um bom aquecimento (e completo) antes de entrar na água.

6 // Evita entrar com o fato molhado da surfada anterior. Se surfas regularmente, pelo menos no inverno, é muito importante ter dois fatos de surf à disposição – assim nunca terás de vestir um fato completamente molhado. 

7 // Chega à praia com roupas quentes (gorro, casaco, luvas) para não arrefeceres o corpo antes de entrar na água.

8 // Equipa-te o mais rápido possível (vestir e despir o fato de neoprene).

9 // Tenta ter algo quente para quando saíres da água (termo com sopa, chá, casaco, aquecedor do carro ou opta por dar uma corrida no estacionamento!)

10 // Tomar um duche de água bem quente quando chegares a casa – de forma a relaxar todos os músculos do corpo, em especial os do tronco e coluna que são sempre muito requisitados na prática de surf.

Boas ondas! 

Comentários